Segunda, 21 de Setembro de 2020 17:20
62 99863-8531
Polícia CAIAPÔNIA

Suspeito de matar duas mulheres em motel é morto em troca de tiros com policiais, em Goiás

Vídeo registrou momento antes de as mulheres serem assassinadas em que imploram para não serem mortas. De acordo com a PM, investigado recebeu os policiais a tiros entrando em mata.

15/09/2020 08h51 Atualizada há 6 dias
Por: Kamila Reis Fonte: G1
Homem suspeito de matar duas mulheres em motel de Caiapônia — Foto: Reprodução/TV Anhanguera
Homem suspeito de matar duas mulheres em motel de Caiapônia — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Um suspeito de matar duas mulheres em um motel de Caiapônia, no sudoeste goiano, foi baleado e morreu ao trocar tiros com policiais militares em área afastada da cidade, na BR-158. Segundo a corporação, o investigado era procurado há cerca de dois dias – desde que as mulheres foram assassinadas – e, ao perceber a presença dos policiais se aproximando dele, atirou, tendo sido baleado em seguida.

De acordo com a Polícia Civil, o jovem que matou as mulheres e foi morto em confronto é Tony Henrique Peres, de 21 anos, que havia saído da prisão apenas um dia antes do assassinato.

A morte do suspeito aconteceu na noite de segunda-feira (14). Consta no registro policial que o local em que trocaram tiros com o investigado era perto de uma mata, para onde o homem entrou ao ver os PMs e começar a atirar.

Por ser um local afastado da cidade e não ter sinal de telefone ou internet, a Polícia Militar disse que não conseguiu chamar uma ambulância para socorrer o suspeito. Por isso, transportou o baleado em um carro da corporação, mas registraram que ele chegou morto a uma unidade de saúde.

 

Latrocínio em motel

A morte das duas mulheres no motel é investigada como latrocínio, que é o roubo com resultado morte. Um vídeo mostra que Tony pegou dinheiro e o celular das vítimas antes das execuções. Outra gravação mostra as duas implorando para não morrer.

Cleide Cavalcante, de 52 anos, e Simone Garcia, de 53 anos, foram encontradas mortas em Caiapônia — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Um bilhete foi deixado pelo atirador no local do crime citando uma suposta "vingança" pela morte de familiares. Porém, a polícia crê que seu único intuito era roubar e acredita que a carta tinha o sentido de "despistar" a investigação.

"Ele adentrou naquele recinto para cometer um crime de roubo e acabou tirando a vida dessas mulheres. Não há nenhuma motivação diferente do que a intenção de roubar. Foram levados pertences, dinheiro e celular dessas vítimas", explicou o delegado Ramón Queiroz, responsável pela investigação.

 

Goiânia - GO
Atualizado às 17h05 - Fonte: Climatempo
31°
Tempo aberto

Mín. 22° Máx. 35°

31° Sensação
28 km/h Vento
36% Umidade do ar
90% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (22/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 26°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Quarta (23/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 27°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.