Domingo, 18 de Abril de 2021 00:07
62 99863-8531
Geral CÁRCERE PRIVADO

Mulher mantida em cárcere privado é salva graças a bilhete entregue no banco

O bilhete entregue ao funcionário da agência, no momento em que ela sacava um benefício, dizia: “Você pode me ajudar. Violência doméstica. Ele tá aí fora…”, escreveu a vítima, de 27 anos.

06/03/2021 05h48 Atualizada há 1 mês
Por: Kamila Reis Fonte: Só notícia boa
Bilhete que a mulher entregou no banco - Foto: reprodução / PMDF
Bilhete que a mulher entregou no banco - Foto: reprodução / PMDF

A polícia salvou uma mulher que era mantida em cárcere privado no Distrito Federal, depois de um bilhete de socorro que ela deixou em um banco, na cidade de Sobradinho, a 28 km de Brasília.

O bilhete entregue ao funcionário da agência, no momento em que ela sacava um benefício, dizia: “Você pode me ajudar. Violência doméstica. Ele tá aí fora…”, escreveu a vítima, de 27 anos.

E ela também indicou no papel o endereço onde residia e desenhou um “X”, o sinal usado para identificar que uma mulher está sendo vítima de violência doméstica.

 

A ação

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) foi acionada para verificar a denúncia. Os policiais foram até a casa da mulher, mas ela e o suspeito não estavam. Mais tarde, a equipe da Provid – Prevenção Orientada à Violência Doméstica e Familiar – encontrou a mulher e os dois filhos, de 1 e 3 anos, no Módulo 19 da Estância Mestre D’Armas, a alguns quilômetros dali.

Ela confirmou à corporação as denúncias escritas no bilhete, entregue no banco.

A mulher contou que sofria constantes agressões verbais e também estava sendo impedida de sair de casa, o que caracteriza cárcere privado.

Os PMs resgataram a mãe e os dois filhos.

 

Acolhimento

Ela foi encaminhada à 16ª Delegacia de Polícia, de Planaltina e registrou a denúncia na última terça, 2.

A vítima e os dois filhos foram acolhidos pelo governo do Distrito Federal.

O companheiro dela está foragido.

 

Goiânia - GO
Atualizado às 23h49 - Fonte: Climatempo
21°
Nuvens esparsas

Mín. 18° Máx. 30°

21° Sensação
7 km/h Vento
88% Umidade do ar
67% (8mm) Chance de chuva
Amanhã (19/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 28°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Terça (20/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °